Gestão de TI: 4 indicadores imprescindíveis na sua empresa

Gestão de TI: 4 indicadores imprescindíveis na sua empresa

Posted Leave a commentPosted in Definição de métricas de negócio

Ter KPI’s definidos é essencial para o bom desempenho de uma empresa. Os KPI’s são os indicadores-chave de desempenho que nos indicam em que estado o negócio se encontra e quão longe (ou perto) estamos de cumprir os objetivos estabelecidos. Com base nos indicadores e no desempenho da empresa, os gestores podem tomar decisões mais assertivas e mais informadas. A área de TI é uma das mais importantes em qualquer negócio, pois suporta toda a atividade da empresa. No artigo de hoje, abordamos 4 indicadores de TI imprescindíveis na sua empresa!

Desempenho das aplicações

Esta é uma das métricas de TI mais importantes, sendo para o efeito necessário fazer uso de ferramentas de monitorização constante que avaliam o desempenho das aplicações na ótica do utilizador final. Cada vez mais as empresas confiam a gestão dos seus ativos informáticos a empresas especializadas que garantem segurança, alto desempenho e disponibilidade permanente.

Tempo médio offline

Este KPI é usado para analisar o tempo médio que um dispositivo de TI ou infra-estrutura não esteve disponível É uma métrica conhecida por MDT (mean down time). Essa métrica indica-nos todo o tempo que o serviço não esteve disponível, seja por causa de problemas leves, avarias, entre outros. Este valor é obtido através da soma do tempo que o sistema não estava disponível para dividir pelo número de ocorrências nesse período.

Tempo médio de atendimento

Outra métrica muito importante é o tempo médio que os profissionais demoram a responder aos pedidos colocados no service desk. Quanto mais rápido for o atendimento e a resolução da situação, melhor será o desempenho de TI.

Índice de uptime

Esta é uma das métricas de TI mais importantes. Indica-nos o tempo em que as aplicações informáticas estiveram disponíveis para os utilizadores pelo que quanto maior for, melhor é o desempenho da estrutura de TI. É essencial que as infraestruturas tecnológicas da empresa estejam sempre disponíveis para que as taxas de produtividade se mantenham constantes.

 

As ferramentas BAM como o Multipeers permitem acompanhar os KPI’s de forma contínua e em tempo real. Analisar o desempenho de forma constante garante que se dedique uma maior atenção ao cumprimento dos objetivos, aumentando efetivamente o grau de atingimento dos mesmos. O acompanhamento contínuo do desempenho assume um papel de grande relevância no planeamento e posterior controlo, pois fornece informações sobre processos desenvolvidos pela organização. A eficácia de qualquer estratégia de controlo depende em grande medida da correta adequação das métricas de desempenho desenvolvidas e dos KPI’s.

7 indicadores para avaliar a saúde financeira do seu negócio

7 indicadores para avaliar a saúde financeira do seu negócio

Posted Leave a commentPosted in Definição de métricas de negócio

Já aqui falamos sobre a importância dos indicadores para o sucesso do negócio, mas nunca é demais relembrar que ter KPI’s definidos é parte fundamental da estratégia de gestão de uma empresa. Estas métricas de negócio permitem um acompanhamento mais próximo e uma melhor gestão do nível de sucesso das ações desempenhadas. Existem milhares de indicadores possíveis para cada negócio e é muito importante saber que indicadores escolher para acompanhar sempre a saúde financeira do negócio. No artigo de hoje, apresentamos os 7 indicadores mais importantes para avaliar a saúde financeira do seu negócio!

Lucro Líquido

É um dos valores mais importantes para qualquer empresa. Chegamos a este valor depois de somar todo o volume de faturação e deduzir os custos e as despesas.

Liquidez

A liquidez é a capacidade de transformar um ativo em dinheiro. Quanto mais rápida for essa a conversão, mais liquido um ativo é. Este indicador avalia a capacidade que a empresa tem para pagar a colaboradores e fornecedores.

EBITDA

EBITDA significa Earning Before Interest, Taxes Depreciation and Amortization e é uma forma de calcular quanto uma empresa gera de recursos apenas com a sua operação, ou seja, antes de subtrair o valor dos impostos. A fórmula para alcançar o EBITDA é Lucro Operacional Líquido + Depreciação + Amortização. Este é um valor muito importante para as empresas que procuram investidores e serve como ponto comparativo com outras empresas do mesmo setor.

Custo por lead

Este valor mostra-nos quanto custa à empresa adquirir um lead. Obtemos o valor após dividir a quantidade de dinheiro investida no marketing digital pelo número de leads gerados. Estudos referem que o custo por lead gerado através do marketing digital é cerca de 61% mais baixo do que os leads gerados pelo marketing tradicional. Saber quanto nos custa gerar um lead é essencial para que possamos redistribuir os investimentos e melhorar os resultados.

ROI

ROI significa return on investment e mede o resultado final de um investimento: relaciona todas as despesas envolvidas numa ação com os lucros obtidos graças a essa mesma ação. A fórmula para o cálculo do ROI é a seguinte: ROI = Lucro Líquido (Lucro total do Investimento – Custo do total Investimento) / Custo do Investimento. Se o ROI for superior a zero, significa que o investimento foi positivo para a empresa. Se tiver valores negativos, houve prejuízo.

Margem de Lucro Líquida

A margem de lucro representa o que a empresa planeia lucrar como retorno do que foi investido. Além de fazer o cálculo do lucro líquido para obter a margem de lucro líquida, as empresas devem estipular um valor que esteja de acordo com aquilo que o mercado está disposto a pagar pelo seu produto. Se a expetativa dos lucros estiverem muito acima do normal pode haver problemas relativamente a planeamentos futuros.

Market Share

O market share significa a participação de uma empresa no mercado em que se encontra. Este valor pode ser encontrado através de medição de faturação, quantidade de clientes, entre outros.

 

Os KPI’s têm uma importância vital para as empresas pois medem o desempenho dos processos e com a análise da informação recolhida trabalham no sentido de melhorar as ações futuras.

7 KPI’s obrigatórios para gestores de marketing

7 KPI’s obrigatórios para gestores de marketing

Posted Leave a commentPosted in Internet e Marketing

Conheça os KPI’s mais importantes para medir os seus resultados de marketing

Medir resultados de marketing digital é obrigatório se quiser identificar as áreas que precisam de melhorias e se quiser ter um bom desempenho. Ao analisar frequentemente os seus resultados de marketing, terá uma visão mais global sobre o negócio e conseguirá tomar decisões mais conscientes. O mundo do marketing é extremamente vasto e nem sempre é fácil saber quais os indicadores mais importantes para o negócio. Neste artigo apresentamos-lhe 7 KPI’s digitais obrigatórios para gestores de marketing!

Número de visitas ao website

Esta métrica é essencial e mostra quantas visitas teve no website num determinado período. É importante não confundir esta métrica com o número de pessoas que visitaram o site: este valor diz-nos quantas visitas os utilizadores fizeram ao seu site, podendo uma mesma pessoa ter entrado 10 ou mais vezes no site. Este indicador é fundamental para o sucesso do funil de vendas pois quantas mais visitas tiver, maior será a probabilidade de gerar leads e vendas. Pode encontrar este valor facilmente no painel do Google Analytics.

Número de visitas orgânicas

Dentro do número de visitas ao website, destaca-se o número de visitas orgânicas. As visitas orgânicas são aquelas que chegam ao seu site através de pesquisa no motor de busca. As pessoas conseguem chegar ao seu site pois ele apareceu nos resultados quando houve uma pesquisa por uma determinada palavra-chave. Assim, quanto mais visitas orgânicas tiver, melhor posicionado o seu site estará. Isso significa também que as palavras-chave que está a utilizar são as adequadas ao seu negócio e aquelas que o seu público-alvo utiliza.

Taxa de Conversão

Ter muitas visitas no website é muito importante e significa que o nosso site está com um bom desempenho e está a aparecer nos motores de busca. Contudo, não basta que o visitante navegue pelo site e saia sem deixar um contacto ou sem comprar alguma coisa. A taxa de conversão relaciona o número de visitantes ao website com o número de visitantes que efetivam uma compra. É um indicador muito importante pois permite-nos perceber se o nosso site está realmente intuitivo e se incentiva de modo claro à compra.

ROI

ROI significa return on investment e mede o resultado final de um investimento: relaciona todas as despesas envolvidas numa ação com os lucros obtidos graças a essa mesma ação. A fórmula para o cálculo do ROI é a seguinte: ROI = Lucro Líquido (Lucro total do Investimento – Custo do total Investimento) / Custo do Investimento. Se o ROI for superior a zero, significa que o investimento foi positivo para a empresa. Se tiver valores negativos, houve prejuízo.

Custo por lead

Este valor mostra-nos quanto custa à empresa adquirir um lead. Obtemos o valor após dividir a quantidade de dinheiro investida no marketing digital pelo número de leads gerados. Estudos referem que o custo por lead gerado através do marketing digital é cerca de 61% mais baixo do que os leads gerados pelo marketing tradicional. Saber quanto nos custa gerar um lead é essencial para que possamos redistribuir os investimentos e melhorar os resultados.

Visitas geradas pelas redes sociais

Se a sua empresa aposta na comunicação através das redes sociais, deve medir sempre o impacto que isso tem para o seu website e para o seu negócio. Não adianta colocar bom material nos perfis da empresa se depois isso não se traduz em visitas e em vendas. Semanalmente deve medir quantas visitas teve a partir de cada rede social e deve investir mais naquelas que mais visitas geram pelo website. Se uma rede social não gera qualquer visita, deve ponderar se vale a pena continuar a investir tempo nessa rede.

Taxa de rejeição

A taxa de rejeição mostra-nos a percentagem de visitantes que estiveram apenas numa página do seu site. Quanto maior for esta taxa, pior será para si pois significa que houve muitos visitantes a desistir rapidamente de navegar pelo seu site. Isto pode significar que o seu site está pouco apelativo ou que tem informação pouco relevante. Sempre que este valor for muito alto, deve investir tempo em melhorar o website. Caso contrário poderá perder muitas oportunidades de negócio.

Cada vez mais é essencial acompanhar em tempo real o estado do negócio e a situação de marketing da empresa. O marketing tem vindo a ganhar uma maior importância no mundo empresarial devido à grande competitividade que existe hoje em dia nos mercados.  Quer saber como pode acompanhar o seu negócio em tempo real? Conheça hoje mesmo o Multipeers!

A importância de gestão de indicadores para sua empresa

A importância de gestão de indicadores para sua empresa

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

Conheça a importância da gestão de indicadores para a sua empresa

Mesmo os melhores produtos e serviços não sustentam sozinhos uma empresa. Ou seja, você pode comercializar algo que seja bastante atrativo para o seu público alvo, mas é preciso de muito mais para manter um negócio prosperando. Por isso, os conhecimentos administrativos são fundamentais, já que contam com ferramentas úteis e eficientes. Entre elas, a gestão de indicadores é de extrema importância para saber se a sua empresa está indo pelo caminho certo e, se não estiver, o que pode ser feito para que o negócio volte aos eixos. A questão é que, embora oferecer produtos e serviços de qualidade seja imperativo para o sucesso do seu negócio, não basta.

Outras empresas também podem ter a mesma qualidade no que oferecem, lembrando que a concorrência acirrada é uma realidade da grande maioria dos setores da economia. Dessa forma, é necessário ainda conhecer o mercado, o público alvo, saber onde vender, como vender e, acima de tudo, quais são os objetivos da sua empresa.

Não adianta ter a missão escrita em uma placa pendurada na parede do escritório ou no site da empresa, é essencial que todos os colaboradores estejam a par do objetivo e saibam como atingir as metas propostas. É nesse contexto que os indicadores entram, sendo que se referem aos números que podem ser usados para medir a atuação do seu negócio no mercado.

Com esses indicadores em mãos, é possível gerenciá-los, ou seja, tomar decisões a partir do que eles indicam. A partir disso, uma decisão nunca é um tiro no escuro, porque se dá por meio de dados concretos, sem achismos ou intuições. É muito importante uma correta gestão de indicadores.

Quais são os indicadores em uma empresa

Os indicadores em uma empresa são dados que podem ser levantados, ajudando na sua administração, uma vez que mostra como estão acontecendo as suas operações. Existem muitos tipos de indicadores e, para cada empresa, pode ser interessante mensurar mais especificamente alguns deles.

Para entender melhor,confira quais são alguns dos principais indicadores em uma empresa:

  • Indicadores de produtividade
  • Indicadores de capacidade produtiva
  • Indicadores de desempenho de processos
  • Indicadores de qualidade
  • Indicadores de efetividade
  • Indicadores de lucratividade
  • Indicadores estratégicos
  • Indicadores de competitividade

Todos esses indicadores se referem aos dados de uma empresa que podem ser obtidos por meio de levantamentos, relatórios e outras formas, permitindo que seja avaliado de modo mais profundo e detalhado o seu desempenho no ramo de atuação em que está inserido.

Muitas vezes, uma empresa começa vendendo um número de unidades por mês que parece suficiente, mas com o passar do tempo perceber-se que não é, e a empresa começa a perder mercado, por exemplo.

De modo semelhante, o empresário acredita que o tempo que um produto leva para ser fabricado está adequado, mas não, quando são feitas as contas e calculado o tempo gasto em relação ao seu custo. Esses são apenas alguns exemplos de questões que, não raro, são avaliadas erroneamente, porque não se faz uso dos indicadores.

Como medir os indicadores

Em uma empresa, mesmo de pequeno porte, é bem provável que o fluxo de informações diárias seja bastante volumoso. Por isso, você pode se perguntar, mas afinal, como medir os indicadores? Ou seja, como reuniu uma série de informações? Quer dizer, possível é, mas levaria muito tempo, não é mesmo? A gestão de indicadores é fundamental.

Não, se isso for feito com a ajuda de um sistema de gestão online que, além de tornar mais dinâmico o trabalhado da equipe, ao permitir que as tarefas sejam simplificadas e melhores controladas, também conta com ferramentas para mensurar os números importantes da empresa. Ao medir os indicadores, através de relatórios e outros recursos, é possível tomar decisões mais assertivas.

Além disso, existem softwares que possuem funções avançadas para medir os indicadores necessários, ajudando a administração da empresa a criar um planejamento estratégico para atingir com mais eficiência assuas metas. Vale dizer que para criar um plano de negócios de sucesso é indispensável dominar todos os dados de uma empresa.

Assim, é preciso saber quanto à empresa fatura, quanto é gasto com a produção, quais são os demais custos, como valor da matéria-prima, mãos de obras, etc. Com o total controle dessas e de muitas outras informações, pode-se não só tomar as melhores decisões como acompanhar o seu desenrolar e sempre estar pronto para os ajustes necessários.

Sobre o autor convidado:

A GestãoClick é uma empresa especialista na oferta de software de gestão empresarial para administradores que desejam tornar mais eficiente a rotina dos seus colaboradores.